segunda-feira, 13 de setembro de 2010

Semana Farroupilha

“Farroupilhas: ideais, cidadania, revolução,”
A proposta de trabalho para o tema de 2010 é representada através de três aspectos:

- Os ideais: explorar as razões que levaram os farroupilhas a se colocarem em posição antagônica ao Império. Questões como os altos impostos sobre a terra e sobre a produção de charque, a idéia de República e de Federalismo, o direito de escolher (eleger) os representantes políticos, o direito ao tratamento homogêneo entre os servidores militares.
- A cidadania: os farroupilhas enquanto cidadãos, com famílias, com propriedades, com direitos civis, com deveres de cidadãos. A questão da falta de escolas e do analfabetismo. A questão do trabalho campeiro. Destacar momentos de lazer e descontração com jogos, bailes, carreiras, e explorar a questão da religiosidade através da presença da Igreja católica nas questões políticas, dos casamentos e batizados.
- a Revolução: a decisão extrema de pegar em amas para fazer valer direitos cidadãos e para alcançar os ideais que os moviam. Mostrar a movimentação das tropas no território, destacar a vida nas três capitais farroupilhas.
Nesse contexto destacamos as figuras mais importantes da Revolução, tais como:
- Bento Gonçalves da Silva
- Antônio de Souza Netto
- José Gomes Vasconcelos Jardim
- Onofre Pires da Silveira Canto
- Joaquim Teixeira Nunes
- David Canabarro
- Antonio Vicente da Fontoura
- Domingos José de Almeida
- Manoel Lucas de Oliveira
- José Mariano de Matos
- Padre Francisco da chagas Martins de Ávila e Sousa
- Padre Hildebrando de Freitas pedroso

Os estrangeiros:
- Giuseppe Maria Garibaldi
- Luigi Rosseti
- Tito Livio Zambecari
- John Pascoe Grenfell
O objetivo é mostrar tanto os aspectos revolucionários quanto os aspectos de cidadãos e suas famílias fazendo aparecer no cenário às mulheres que, de uma forma geral, são esquecidas pela historiografia.

Podemos trabalhar o desfile temático em 10 invernadas teatralizando:
1.A vida em família;
2.O trabalho: lida do campo e charqueadas;
3.A religiosidade: presença do padre, o casamento e o batizado;
4.As festas: um fandango, a chula, a tava e o truco;
5.Os ideais farroupilhas: assembléia provincial e as lojas maçônicas;
6.Apresentação dos líderes, com suas características;
7.Os estrangeiros engajados na idéia republicana;
8.A revolução: três capitais farroupilhas – Piratini, Caçapava do Sul e Alegrete;
9.A proclamação da república, a bandeira e o hino;
10.Os líderes e seus destinos no pós Revolução.
Fonte: http://www.semanafarroupilha.com.br/

################
Penso que esses 10 temas, acima listados deveriam fazer parte SEMPRE de nossa cultura. Que fossem trabalhados nas escolas e CTGS esses, divulgados ao público em geral, durante todo o ano. Afinal são nossas origens, nossa cultura, nossa tradição, que infelizmente, na maioria das vezes só são lembrados de 13 a 20 de setembro de cada ano!!!!!
Deixo aqui uma linda imagem de quem, desde cedo, aprende a cultuar a tradição!
Sobrinhos Gabriel e Mariana

Nenhum comentário:

Postar um comentário

SINTA-SE A VONTADE AO FAZER SEU COMENTÁRIO...